Um livro para todos os olhos

Uma parceria entre a associação Tailandesa dos Cegos e a agência publicitária norte-americana BBDO proximity permitiu, a partir da criação de um livro com uma fonte especial, que portadores de deficiência visual  e os outros leitores pudessem ler , e mostrar ainda que é possível que crianças, cegas e não cegas, possam  aprendam a ler juntas e interagir durante a leitura.

Nas páginas do livro, há um espaço destinado para o alfabeto em Braile e na parte restante, a própria letra.  No final da folha, há imagens texturizadas para que os cegos as descubram e os demais leitores apontem se a interpretação está correta ou não.